Sábado, 29 de Abril de 2006
AGORA ATE OS FOGUETES???
Nao ha duvida, que o governo presidido pela socratissima pessoa, esta decidido a eliminar, tudo o que ainda da alguma vida as aldeias do interior.
Nem necessito de nomear tudo o que nos querem tirar, mas a juntar a tudo isso, agora ate os foguetes, que dao vida as festas anuais das nossas aldeias, vao estar proibidos!
Isto e que e competencia, como nao conseguiram resolver, o problema dos fogos florestais e nao so, no verao passado e, para mostrar servico, toca a decretar a proibicao de entre outras coisas, tambem os foguetes nos meses de verao.
Eu so gostava que algum desses inteligentissimos ministros me explicasse quais e quantos foram os incendios, iniciados por foguetes, no verao, ou nos veroes passados. Tanto quanto sei, (e sei bem) os foguetes sao deitados dentro das localidades e os incendios comecam nas florestas, ou no mato, normalmente longe destas.
O dignissimo senhor engenheiro, que nasceu em Tras-os-Montes e, foi criado na Covilha, ate parece que nunca foi a nenhuma festa popular, daquelas que se fazem nas nossas aldeias. Bem sei que as festas se podem fazer sem foguetes, mas nunca mais teram o mesmo gosto popular. Tambem nao acharam nenhuma graca, neste triste interior, que esta a perder os poucos trabalhos que tem, aqueles que perderem mais uns quantos postos de trabalho, devido a esta luminosa ideia.
Sejamos serios, senhores burocratas de meis tijela, tratem de apanhar os incendiarios, deem-lhes castigos severos e exemplares, ponham gente a vigiar a floresta a serio, ataquem os incendios devidamente quando eles se iniciam, deem aos bombeiros meios modernos e em quantidade e, nao estejam a brincar as legislacoes.
Deixem as nossas aldeias, fazer o que ainda lhes da um pouco de vida no verao, que sao as festas com os respectivos foguetes, como sempre aconteceu e, ponham mas e os olhos nas florestas, que e ai que se iniciam os incendios.
publicado por dalgodres às 07:59
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
 O que é? |
Quarta-feira, 19 de Abril de 2006
UM EXEMPLO A SEGUIR
A haver alguma virtude na criacao da Comunidade das Beiras, por parte de alguns concelhos do Distrito da Guarda e Castelo Branco, foi o facto de ter sido decidido, que a centralizacao dos orgaos dequele ja defunto organismo, ficariam situados nos mais pequenos municipios integrantes.

Ja se sabe que e suposta "regionalizao", criando as Grandes Areas Metropolitanas e as Comunidades Urbanas, nao vai vigorar. Pelo que o que eu sugeria aos autarcas, que vao constituir a futura Regiao da Beira ou do Centro, era que olhassem para este exemplo e ver, se nao faria sentido usar o mesmo criterio, deslocando os servicos, pelos mais pequenos concelhos, da futura regiao.

Talvez com isso se consegui-se estancar ou ate reverter, o despovoamento das nossas gentes do interior beirao, para o ja tao povoado litoral. Talvez por ser tao simples e evidente, esta medida nao ira ser implementada, no entanto aqui fica um exemplo a seguir.
publicado por dalgodres às 09:37
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
 O que é? |
Sábado, 15 de Abril de 2006
TAMBEM OS INTERCIDADES???
Quase sempre quando ha fumo e porque ha fogo, por isso estou estupefacto, com a ultima noticia referente a nossa regiao, que a ser verdade vem mais ainda contribuir para o distanciamento, literal e nao so, da nossa Beira para com litoral. Estou a referir-me a possivel extincao dos Comboios Intercidades, nas linhas da Beira Alta e Baixa.
Depois dos previstos encerramentos de Maternidades, Tribunais, dos SAP nos Centros de Saude, de centenas de escolas, de postos de Policia, estacoes de Correio, etc, so nos faltava mais esta.
Queria que os iluminados da capital, me explicassem qual e o seu conceito de servico publico, ou sera que esse servico e so para as areas metropolitanas?
Se vamos extinguir todos os servicos que nao sao rentaveis, teriamos que encerrar quase todo o pais, ou nao?
Nao seria melhor que os ilustrados da CP, arrumassem a casa extinguindo sim essa quantidade enorme de parasitas de chorudos salarios sem mais valias, e proporcionassem era um melhor servico, promovendo um maior uso do comboio, que e comprovadamente menos poluidor que os automoveis?
Ca fico a espera das declaracoes dos ministros deste (des)governo, mas muito especialmente das dos eleitos pela nossa regiao (se e que vao picar o ponto, nesta materia), enquanto faco votos de que deste fumo nao sai-a fogo nenhum.
publicado por dalgodres às 09:38
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
 O que é? |
Quinta-feira, 13 de Abril de 2006
DESCENTRALIZACAO ou CONCENTRACAO
Enquanto o governo anunciou em grandes parangonas, a suposta descentralizacao de servicos do estado para as cinco regioes plano, prepara-se para encerrar e centralizar varios servicos, ate agora existentes nas varias vilas e cidades deste pais, para outras localidades, criando com essas medidas novas centralidades.

Ora digam-me entao, sera que justificam medidas deste genero, sabendo que com elas o cidadao ira ficar mais mal servido? Eu creio que nao e, se e verdade que e necessario uma melhor gestao, do dinheiro dos nossos impostos, deveriam isso sim era comecar a geri-lo melhor, comecando pelos proprios membros do governo.
Pois enquanto se vai pela area de poupanca, de uns quantos funcionarios normalmente ganhando salarios medios, continua-se a criar e nomear postos de alta chefia, esses sim a ganhar salarios enormes.

Mas o que mais me choca, e que com as ja anunciadas medidas, quem mais vai sofrer sao as gentes do interior sub-desenvolvido e, que com estas medidas sao muitissimo mais afectados. Nunca poderei estar a favor de uma descentralizacao ou regionalizacao, em que as pessoas fiquem com os servicos mais longe do que os tinham ate aqui.
publicado por dalgodres às 08:42
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
 O que é? |
Quinta-feira, 6 de Abril de 2006
REGIOES COM SAIDA AO MAR
Creio que uma das razoes, porque alguma gente e renitente a regionalizacao, tem muito que ver com o receio, de que areas ja em si subdesenvolvidas e abandonadas, continuem a ficar subjugadas as outras ja desenvolvidas, normalmente do litoral, contribuindo com isso para que aquelas, continuem cada vez mais pobres e esquecidas.
Podemos aperceber-nos desses receios, por parte das gentes da chamada "Beira Interior", de Tras-os-Montes e ate do Minho.
Ja outras vezes afirmei, que uma das maneiras de atenuar esses receios, pode (e em meu ver deve) ser a descentralizacao de servicos, para algumas das cidades e vilas mais pequenas e pobres. Com isso nao so criariamos oportunidades de desenvolvimento, como iriamos mostrar uma solidariedade para com essas terras. Ao mesmo tempo elimar-se-iam pequenas rivalidades entre as maiores cidades regionais, que para continuarem a desenvolver-se nao necessitam desses servicos, pois ja possuem muitos outros que o desenvolvimento potenciaram.
Em tudo deve imperar o sentido comum e, eu estou convicto, de que se esta medida for implementada, ira gerar uma maior adesao ao processo descentralizador, sempre e quando tambem se concretizem regioes de media dimensao, mas em que em todas elas haja uma saida ao mar.
Creio tambem que se forem criadas, pequenas (em dimensao) regioes metropolitanas no Porto e em Lisboa, muito contribuiram para o esbatimento dos receios regionalistas ou descentralizadores.
publicado por dalgodres às 09:48
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
 O que é? |
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Dezembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.posts recentes

. UM SANTO E FELIZ NATAL!

. Agregacao de Freguesias

. As maravilhas gastronomic...

. VI Jornadas da Etnobotani...

. Ideias de um louco, ou at...

. Outubro e Novembro, tempo...

. Teatro, Exposicao e Passe...

. Fornos de Algodres na Fei...

. Parabens a Escola Element...

. Este sera de certo, o fut...

.arquivos

. Dezembro 2014

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Fevereiro 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

.favoritos

. Bacalhau de Bruxelas.

. Ratzinger.

. No Estado, o absurdo não ...

. 50 anos.

.links
blogs SAPO
.subscrever feeds