Quinta-feira, 7 de Setembro de 2006
E A BARRAGEM DO RIO CARAPITO???
Foi com prazer, que li hoje no "Jornal de Noticias", que se vai construir no nosso vizinho concelho de Aguiar da Beira, a tao esperada Barragem da Fumadinha, que vai proporcionar o abastecimento em qualidade e abundancia de agua 11 das 13 freguesias daquele municipio.
Esta construcao esta entre os investimentos da Sociedade das Aguas do Zezere e Coa, na qual esta incluido aquele concelho.
Fico contente pelos habitantes e naturais de Aguiar da Beira, entre os quais conto alguns amigos.
Mas ao mesmo tempo fico pesaroso, pelo facto de que a ja muitas vezes falada, possivel Barragem do Rio Carapito, na freguesia da Matanca, no meu concelho de Fornos de Algodres, continuar para as calendas.
Se e verdade que nos em Fornos temos o Rio Mondego ali tao perto, tambem e verdade que nos meses de verao, temos agua de pessima qualidade e no passado ano devido a seca extrema, teve que se fazer transbordo de agua de uns acudes para outros e ela, de agua tinha so quase o nome, pois era mais um liquido amarelento e mal cheiroso.
Alem do explanado sempre temos que ter em conta, os elevados custos das bombagens, pois so entre a cota do rio e a vila, e isto sem falar das freguesias muito mais altas, ha mais de 100 metros de diferenca.
Todos sabemos que com aquela barragem, estaria resolvido o abastecimento de agua em quantidade e qualidade para todo o municipio, Tambem sabemos que e investimento avultado, mas se se podia resolver o problema de uma vez, sem ser necessario o uso de energia para bombagens, porque e que estamos a espera?
Sera que ha interesses em prolongar o sofrimento das pessoas, ou sera que o presidente da Aguiar da Beira se preocupa mais ou tem mais influencia?
Queria fazer notar que Fornos de Algodres tambem esta integrado Nas Aguas de Zezere e Coa.
Porque quero o melhor para a minha terra, nao podia continuar calado.
publicado por dalgodres às 02:11
link do post | comentar | favorito
 O que é? |
9 comentários:
De pina a 7 de Setembro de 2006 às 08:36
excelente noticia ,a construção de uma barragem no rio carapito, pois a agua é um bem precioso que cada vez mais se torna dificil encontrar.nos em penalva tambem esperamos a muitos anos pela barragem dos cantos, mas parece que esta dificil ir pra frente,ja agora que falamos deste bem espero que a florestação de eucalipto seja suspensa porque levanos a desertificação.

um abraço
De al cardoso a 8 de Setembro de 2006 às 00:59
Caro Pina:

Infelizmente nao meu amigo, ainda nao sera desta a construcao, da barragem no Rio Carapito.
Desta vez calhou so a da Fumadinha, mas nao podemos perder a esperanca, a nossa vira a seguir. A menos que as "Aguas do Zezere e Coa", tenham interesses na EDP.
De Pisco da Lapa a 8 de Setembro de 2006 às 04:46
Pode ser que o despique amigável entre os dois autarcas, faça aparecer esta barragem que, como diz o meu caro amigo, muita falta faz a Fornos nos períodos de maior estiagem.
Como dizem os nossos amigos brasileiros, vamos fazer uma "forcinha".
De Joao Soares a 8 de Setembro de 2006 às 12:15
Muito grato pelas carinhosas palvras e sabiosas palavras e sabios comentarios no Bioterra.
Um abraço amigo
Joao
De Joao Soares a 8 de Setembro de 2006 às 12:17
pronto...ok...erros...aí vai a emenda
"palavras"
eliminar "sabiosas"
Ecoabraços
De O Micróbio II a 11 de Setembro de 2006 às 05:49
Se estão entregues às Águas do Zêzere e do Côa... não vos auguro grande futuro. Estou na Guarda e sei do que falo... :-)
De Pisco da Lapa a 11 de Setembro de 2006 às 07:18
É esse um receio que tenho. As "Águas do Zêzere e do Côa" não andam nisto para perder e o "povão" vai ter de pagar a água bem cara.
De bota a 12 de Setembro de 2006 às 10:01
mas essa porra da fumadinha ainda não foi feita?
avaliei isso há séculos !!
espero que façam um bom estudo da aldeia da fumadinha
De al cardoso a 12 de Setembro de 2006 às 10:24
Caro Bota:
Como ve nao esta ainda feita, deve saber que quando toca a obras publicas, fazem-se os estudos uns dez os vinte anos antes e quando ja estao desatualizados, e que se comeca a construir.

Um abraco para a Beira Baixa.

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Dezembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.posts recentes

. UM SANTO E FELIZ NATAL!

. Agregacao de Freguesias

. As maravilhas gastronomic...

. VI Jornadas da Etnobotani...

. Ideias de um louco, ou at...

. Outubro e Novembro, tempo...

. Teatro, Exposicao e Passe...

. Fornos de Algodres na Fei...

. Parabens a Escola Element...

. Este sera de certo, o fut...

.arquivos

. Dezembro 2014

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Fevereiro 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

.favoritos

. Bacalhau de Bruxelas.

. Ratzinger.

. No Estado, o absurdo não ...

. 50 anos.

.links
blogs SAPO
.subscrever feeds