Segunda-feira, 20 de Outubro de 2008
Quem se Lembra das "Casas do Povo"!!!

Instituicoes criadas pelo "Estado Novo", as Casas do Povo, foram durante os ultimos tempos desse regime, utilizadas para de certa forma apoiarem o meio rural e ajudarem na constituicao do sistema de seguranca social dos agricultores.

Na vila de Fornos a construcao deste edificio na decada de sessenta do seculo passado, veio para alem da funcao social atraz referida, originar o renascimento da banda filarmonica, que aqui re-iniciou a sua actividade como "Banda da Casa do Povo de Fornos de Algodres", tendo atingido nos anos a seguir um excelente renome, por todo o Distrito da Guarda e nao so!

Que pena, um edificio relativamente recente e de boa arquitectura, se encontrar praticamente abandonado, desde que foram construidas novas instalacoes para a seguranca social, e desde que a banda passou para a alcada de uma outra associacao, que foi o comeco da sua morte!

Sera que este edificio nao tem nenhum prestimo futuro?

Sera que nunca mais veremos a "nossa" Banda actuar?

Sera que alguem sabe e nos pode responder?
publicado por dalgodres às 21:14
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
Terça-feira, 7 de Outubro de 2008
"Gloria do Trabalho"!!!


Ha umas dezenas de anos atraz, estas casas situadas em Fornos Gare, tinham colocado na frontaria com muito "orgulho" (talvez ate demais), uma fraze que queria dizer o que a familia em que nelas habitava, tinha em mente!

"Vila Lagarto, Gloria do Trabalho"!!!

Neste tempos em que vivemos essa familia, nao so acabou com o trabalho e com os trabalhadores, como as casas que tanto o apregoavam, caiem aos bocados e estam infestadas com silvas e repteis, talvez em homenagem a familia "Lagarto"!

E um dos exemplos tristes em que se transformou, a povoacao da "Estacao" ou Fornos Gare, que ainda ha menos de trez dezenas de anos, era uma fonte de juventude.

Gostava de ser vidente, para prever o que o futuro reserva a esta terra, mas com exemplos como este, nao espero grande coisa.

Queira D*us que me engane!
publicado por dalgodres às 19:38
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Dezembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.posts recentes

. UM SANTO E FELIZ NATAL!

. Agregacao de Freguesias

. As maravilhas gastronomic...

. VI Jornadas da Etnobotani...

. Ideias de um louco, ou at...

. Outubro e Novembro, tempo...

. Teatro, Exposicao e Passe...

. Fornos de Algodres na Fei...

. Parabens a Escola Element...

. Este sera de certo, o fut...

.arquivos

. Dezembro 2014

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Fevereiro 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

.favoritos

. Bacalhau de Bruxelas.

. Ratzinger.

. No Estado, o absurdo não ...

. 50 anos.

.links
blogs SAPO
.subscrever feeds